Maior tesouro anglo-saxão da Grã-Bretanha achado por amador

26 09 2009
Um inglês que caçava objetos antigos no campo usando um detector de metais encontrou o que especialistas dizem ser a maior coleção de ouro anglo-saxão já descoberta na Grã-Bretanha. São 1,5 mil peças em ouro e prata, a maioria delas artefatos de guerra adornados com pedras preciosas, que os especialistas acreditam datar do século VII.
O tesouro foi encontrado em julho, em uma fazenda no condado de Staffordshire, no oeste da Inglaterra, pelo inglês Terry Herbert. O achado deve ser assunto de décadas de debates entre arqueólogos e historiadores. “Isto vai alterar nossa percepção da Inglaterra anglo-saxã”, disse a especialista Leslie Webster, ex-funcionária do Departamento de Pré-História e Europa do Museu Britânico.
As peças estão sob a guarda do Birmingham Museum and Art Gallery, na cidade inglesa de Birmingham. Uma seleção com alguns dos objetos mais importantes vai ficar em exposição no Birmingham Museum entre o dia 25 de setembro até o dia 13 de outubro. Depois da exposição, a coleção segue para o Museu Britânico para ser avaliada por especialistas, um processo que pode demorar mais de um ano.
Drama
Em termos de quantidade, a descoberta é sem precedentes – cerca de cinco kg de ouro e 2,5 kg de prata. É impossível, no momento, saber ao certo a história do tesouro. Os especialistas suspeitam, no entanto, de que a história esteja repleta de drama e, possivelmente, sangue.
O arqueólogo Kevin Leahy, responsável por catalogar o material, disse que a qualidade das peças indica que teriam pertencido à realeza anglo-saxã. São centenas de objetos, entre eles, peças usadas para adornar espadas e fragmentos de elmos (capacetes de armaduras medievais). O tesouro inclui também três cruzes e uma placa de ouro trazendo uma inscrição bíblica.
“Parece uma coleção de troféus, mas é impossível saber se o tesouro resulta de saques feitos após uma única batalha ou se foi acumulado ao longo de uma longa e bem-sucedida carreira militar”, disse Leahy. “Não sabemos como (o tesouro) acabou sendo enterrado naquele campo, talvez tenha sido um tributo aos deuses pagãos”, especula o arqueólogo. “Ou talvez tenha sido escondido por conta de uma ameaça muito real”.
Para Leahy, a terrível ameaça que levou alguém a enterrar o tesouro provavelmente se concretizou, já que as peças nunca foram desenterradas. “Quando fizermos mais estudos sobre o maerial, poderemos dizer mais”, disse.

Um inglês que caçava objetos antigos no campo usando um detector de metais encontrou o que dizem ser a maior coleção de ouro anglo-saxão já descoberta na Grã-Bretanha. São 1,5 mil peças em ouro e prata, a maioria delas adornados com pedras preciosas, do século VII. O tesouro foi encontrado em julho, no condado de Staffordshire, no oeste da Inglaterra, pelo inglês Terry Herbert.

Um anel de ouro adornado com uma pedra preciosa estava entre os artefatos encontrados.

Um anel de ouro adornado com uma pedra preciosa estava entre os artefatos encontrados.

As peças estão sob a guarda do Birmingham Museum and Art Gallery, na cidade inglesa de Birmingham. Uma seleção com alguns dos objetos mais importantes vai ficar em exposição no Birmingham Museum entre o dia 25 de setembro até o dia 13 de outubro. Depois da exposição, a coleção segue para o Museu Britânico para ser avaliada por especialistas.

O arqueólogo Kevin Leahy disse que a qualidade das peças indica que teriam pertencido à realeza anglo-saxã. “Parece uma coleção de troféus, mas é impossível saber se o tesouro resulta de saques feitos após uma única batalha ou se foi acumulado ao longo de uma longa e bem-sucedida carreira militar. Não sabemos como acabou sendo enterrado naquele campo, talvez tenha sido um tributo aos deuses pagãos. Ou talvez tenha sido escondido por conta de uma ameaça muito real”.

Fonte: Terra

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: